Luis Carlinhos por Moraes Moreira

http://myphamhang.vn/?ruiw=opzioni-binarie-cosa-guadagna-broker&48b=30 Conheço esta figura desde menino. Andava lá por casa, na Estrada da Gávea, era amigo e colega de Davi, gostava de música e logo formaram uma banda. Tinha especial carinho por Luís, tanto era assim que não me lembro mais dos outros componentes da Banda, que tinha um nome, no mínimo, intrigante: SONDAGEM DA TERRA.

http://www.viestintamyy.fi/?kiki=bin%C3%A4ra-optioner-kapitalf%C3%B6rs%C3%A4kring&470=63 Ficava feliz de vê-los ali, envolvidos com a música, com aquele entusiasmo juvenil, me tocava e eu procurava dar força para que eles vivessem aquele sonho. Ao contrário da maioria dos pais, eu acreditava, sim, que ser músico era legal.

Moraes Moreira e Luis CarlinhosMesmo depois que eles se afastaram, não perdi o Luis de vista, sempre que o encontrava procurava saber das novidades e tal, torcendo e achando que ele era merecedor de uma oportunidade no campo das artes, pois já percebia o seu carisma e verdadeiro espírito de artista.

cialis salu O tempo passou. Fiquei sabendo que ele era um dos integrantes da banda de reggae, Dread Lion, o que me deixou contente. Estava curioso para saber de tudo, mesmo de longe acompanhava a movimentação da Banda que, além do sucesso com os jovens, tenho certeza, foi de enorme importância para a sua evolução musical.

opzioni binarie con deposito Fui assistir à peça Cócegas, de Ingrid Guimarães e Heloisa Perissê, e lá estava o Luís, com uma participação muito interessante, confirmando para mim, mais uma vez, a sua vocação para o palco. Sendo que, agora, incorporava uma experiência teatral, enriquecendo mais ainda a sua personalidade artística. Conforme ele mesmo diz, a experiência foi tão apaixonante, que o levou até a estudar Artes Cênicas.

8d0295d9824613c0dd7bac599e4e0f80 A esta altura, estava pronto para assumir a sua individualidade, partindo para vida, deixando a sua marca, sem temer as dificuldades de uma mercado cruel que, a essa hora, já registrava a decadência das grandes gravadoras, o que, de certa forma, obrigava às novas gerações a buscar soluções alternativas.

Agora, no seu novo DVD, reúne 20 anos de música. De amor e de música, diria, pois é este o sentimento que ele passa quando canta e toca. Carlinhos traz o tempo como um aliado, buscando em seus aspectos, passado e presente, uma abertura para um futuro que lhe garanta um lugar tranquilo na cena musical. Um lugar de onde possa mandar seus recados, sempre carregados de poesia, suingue e musicalidade.

Para terminar, não poderia deixar de falar do 4 CABEÇA. Que beleza! Na casa de um amigo meu tinha este CD. Toda vez que chegava lá, pedia que ele tocasse, me deliciava ouvindo... Mais uma vez você provou a sua capacidade de atuar em várias frentes. Adorei, parabenizo também os seus maravilhosos parceiros.

http://ramshergill.com/womens/semka/ Meu querido Luís, foi um imenso prazer participar dos seus shows na CASA DA TATA, você criou um movimento que pegou na Gávea, que pegou na veia. Só gente bonita... Aliás, só GENTES curtindo a sua alegria e generosidade. Continue assim, galopando no seu Aramis, você vai longe, boa sorte.

MORAES MOREIRA